VOCÊ PENSA EM RESISTIR AO FIM DO 13º? CUIDADO: BOLSONARO AMEAÇA TERMINAR COM ‘TODOS OS ATIVISMOS’

Na noite de domingo, ao ficar claro que teria de encarar o segundo turno contra Fernando Haddad, Jair Bolsonaro fez uma transmissão ao vivo pela internet em que pronunciou a declaração mais intimidadora da sua campanha: “Vamos botar um ponto final em todos os ativismos no Brasil”. Por Mário Magalhães em Intercept. Na noite de domingo, ao ficar claro... Continuar Lendo →

Mulheres contra a opressão

O maior movimento de resistência ao projeto autoritário mostra que apoiar Bolsonaro é votar a favor das forças que empobrecem o país e violentam os mais frágeis. Por Eliane Brum em El País. Analistas do bolsonarismo acreditam que, para seus eleitores, ele é um grito contra o que não funciona e contra o desamparo, ou... Continuar Lendo →

O curioso “fascismo suave” proposto pelos EUA

Para Chomsky, golpes que derrubaram governos incômodos na América Latina revelam vertente disfarçada do ataque à democracia. Agora, rejeita-se, em especial, o nacionalismo. Por Franklin Frederick, no The Dawn News | Tradução: GGN “Os crimes cometidos pelos Estados Unidos em todo o mundo têm sido sistemáticos, constantes, implacáveis e muito bem documentados, mas ninguém fala sobre eles.” – Harold Pinter... Continuar Lendo →

Três elementos para compreender as preferências políticas e o conservadorismo da classe média

É importante lembrar que o sentimento de descrença com os processos políticos, que geralmente vem acompanhado pelo autoritarismo e a violência, é uma semente que costuma germinar em terrenos fertilizados pela insatisfação com a economia. Portanto, é curioso que Jair Bolsonaro esteja tão bem cotado nos segmentos sociais mais abastados e supostamente “esclarecidos” por Tomás Rigoletto... Continuar Lendo →

Quem é Lana Lokteff, a estrela da supremacia branca nos EUA para quem mulheres ‘só querem ser bonitas, casar e ter filhos’

Em geral, os participantes de protestos supremacistas nos Estados Unidos parecem ter características semelhantes: são geralmente jovens, agressivos e, claro, homens brancos. Por BBC Brasil Mulheres raramente eram vistas nas reuniões de grupos como o Ku Klux Klan, neonazistas ou representantes da chamada alt-right (uma abreviação de "alternative right", ou direita alternativa) - movimento que... Continuar Lendo →

Sem meias palavras: nazismo, nunca mais.

Por Francisco Carlos Teixeira em Tijolaço Depois de seguidas manifestações de ódio racial, de gênero – misógino, feminicídio, homofobia, transfobia -, de brutais preconceitos contra regionais brasileiros, em especial nordestinos em grandes cidades do Sul-Sudeste,  e agora de refugiados haitianos e sírios no Brasil, vimos com espanto o toque de reunir dos neonazistas na cidade de... Continuar Lendo →

O risco Bolsonaro: o poder do discurso de ódio

por Pedro Veríssimo em Uma Casca de Noz Os afetos são fundamentais na política. Quem inaugurou essa relação foi Hobbes com o Leviatã, que tratou do medo como uma espécie de “cola social” em oposição ao estado de “todos contra todos”. O medo da desordem estaria em latência, o que justificaria o poder absoluto do... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑